Healthtech recebe investimento de R$ 500 mil de Fundo Anjo

Responsáveis por cuidar da saúde da população, os profissionais da saúde também precisam de atenção, mas na maneira como organizam suas finanças. Uma maior segurança e previsibilidade financeira geram impacto relevante na dedicação de tempo e foco nos pacientes. Diante de um problema crônico diagnosticado após anos de estudos e a constatação da ineficiência em projetos de consultoria dentro de consultórios, clínicas, cooperativas médicas, hospitais e operadoras, os sócios Daniel Shiraishi e Sergio Campangna desenvolveram a Fin-X, uma plataforma que realiza a gestão e cálculo de pagamentos médicos. Para acelerar esse projeto de atuação pioneiro, a healthtech conta agora com o apoio do time de especialistas da DOMO Invest e um investimento de R$ 500 mil do Fundo Anjo da gestora, que promete fortalecer o produto e ampliar a base de clientes.

Além de organizar a gestão financeira dos médicos, a plataforma também atua como uma solução de gestão e cálculo de pagamentos médicos de hospitais, operadoras e cooperativas médicas, promovendo uma melhoria relevante no relacionamento com os médicos destas organizações.

“Estamos no período inicial de comercialização da solução e enxergamos um potencial grande para hoje e também para o futuro. Em pouco tempo de atuação, já contamos com aproximadamente 2.500 usuários médicos. Além disso, a Fin-X tem o respaldo de um Conselho Médico composto por referências na área para atuarmos de forma abrangente e assertiva no setor de Saúde, sempre com o olhar ‘do médico’. Ter à disposição o suporte e a confiança da DOMO, vai nos ajudar na consolidação, alavancar o período de market fit e traçar um planejamento de escala comercial para entrarmos no mercado de vez com players estratégicos”, explica Daniel Shiraishi, um dos cofundadores da startup.

A healthtech surgiu em dezembro de 2017 num formato piloto e começou a funcionar cerca de um ano depois, com o objetivo de organizar as transações de faturamento da saúde para gerar transparência e eficiência, engajando os profissionais de saúde.

“Somado à nossa plataforma de tecnologia focada na gestão e organização da remuneração médica, desenvolvemos uma plataforma de educação com conteúdo de gestão para médicos assistenciais: a Fin-X Educa. Acreditamos que através da educação e conhecimento podemos auxiliar no entendimento para a execução das práticas corretas. O médico impacta diretamente na execução dos processos da Saúde, portanto, é fundamental levar conhecimento para buscar engajamento e entendimento para sua participação no desenho de soluções sustentáveis do setor”, conclui Sergio Campangna, sócio da Fin-X.