InCor fecha parceria com MedRoom para treinar UTIs públicas

O InCor (Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da FMUSP) e sua entidade de apoio, a Fundação Zerbini, através de seu núcleo de inovação – InovaInCor – fecharam parceria com a MedRoom para que sua tecnologia seja implementada no treinamento de profissionais em UTIs públicas do Estado de São Paulo com o uso da realidade virtual. Trata-se do TeleUTI, realizado pela Divisão de Pneumologia e UTI Respiratória do InCor. O programa utiliza a telemedicina para a capacitação e treinamento no manejo do paciente a partir de um protocolo de procedimentos que foi validado pelas principais universidades tanto do estado de SP, quanto federal (USP, Unicamp, UNESP e Unifesp) e pela Secretaria estadual de Saúde.

“Ao longo dos meses de fevereiro e março, o InCor em conjunto com o Núcleo de Inovação (Inova InCor) e a Secretária de Saúde desenvolveram protocolos de atendimento que vão desde a lavagem correta das mãos e higienização, até a aplicação de protocolo para a correta execução de ventilação mecânica, amplamente discutido com colegas médicos de diferentes universidade e instituições, e até em países como Itália e China”, acrescenta Carlos Carvalho, médico pneumologista e coordenador da TeleUTI.

O programa funciona a partir de um posto de telemedicina instalado dentro do InCor, com uma equipe de especialistas intensivistas, interligado à rede estadual de hospitais, apoiando as equipes médicas das UTIs de 9 hospitais. Após dois meses de sua implantação, o TeleUTI já realizou um total de 1.065 atendimentos a 207 pacientes em tratamento de Covid-10 internados nos hospitais da rede estadual de saúde.

Por um aplicativo em seus celulares, as equipes dessas unidades contarão com a plataforma da MedRoom para que sejam treinados virtualmente no Protocolo de manejo dos pacientes com Covid-19 com o máximo de realismo e velocidade possíveis para seguirem no combate ao vírus.