Cartão de TODOS prevê expansão em 2021

Durante a pandemia, em 2020, o Cartão de TODOS, empresa que atua no segmento de cartões de descontos, registrou um crescimento exponencial, duplicando seu tamanho. Hoje, o serviço é aceito em mais de 12 mil estabelecimentos no Brasil e atinge mais de 4 milhões de famílias, alcançando mais de 12 milhões de usuários no total. Um dos objetivos da companhia é promover a inclusão social e a ascensão de seu público-alvo, pessoas de todas as idades e, em especial, das classes C e D. “Queremos ser reconhecidos como a maior empresa de impacto social para os seus clientes, no Brasil”, explica Tales Vilar, vice-presidente da empresa.

Tales Vilar, vice-presidente da TODOS: empresa planeja duplicar o número de clínicas associadas.

Em 2021, a empresa planeja duplicar o número de clínicas médicas associadas a mil estabelecimentos até 2022. Ampliar o número de filiados também é um compromisso: a meta é atingir 5 milhões de usuários ainda no primeiro semestre de 2021 e até 8 milhões no segundo semestre de 2022. “Com o Cartão de TODOS, já preenchemos a lacuna entre a rede pública e privada para acesso a serviços de saúde. Agora, nosso propósito é mudar a vida das pessoas”, disse Altair Vilar, fundador da companhia.

Com a missão de ser “mais que um cartão”, a marca assume como nova estratégia entregar benefícios para a qualidade de vida integral das pessoas que atende. Como resultado financeiro de suas estratégias para o ano, a empresa prevê faturar R$ 1 bilhão por mês, somando a operação de todas as unidades de negócios da TODOS Empreendimentos. Outra de suas metas reveladas durante o último congresso é estar até 2030 entre as 20 maiores empresas brasileiras em faturamento, ambição desafiadora, mas viável, de acordo com seus próprios indicadores.