Acesso Saúde investe R$ 600 mil em unidade na Neo Química Arena

A partir do dia 19 de outubro, a rede Acesso Saúde vai inaugurar unidade nas dependências da Neo Química Arena, estádio do Corinthians. O atendimento será aberto ao público e oferecerá benefícios e vantagens especiais aos torcedores da Fiel, com preços acessíveis.

O projeto, que recebeu R$ 600 mil em investimentos, contará com 450m² de estrutura com capacidade para 20 funcionários e 500 atendimentos diários. Segundo o diretor executivo da nova unidade, Thiago de Moura Ghedini, o objetivo com a abertura é suprir a demanda da população da região da Zona Leste de São Paulo, que não consegue arcar com os altos preços dos planos de saúde. “Vamos disponibilizar um atendimento humanizado, diferenciado, ágil e de qualidade com procedimentos a preços acessíveis”, explica.

Para Antônio Carlos Brasil, fundador da Acesso Saúde, será uma grande oportunidade para dar visibilidade à marca, sendo a primeira vez que acontece uma parceria dessa magnitude. “Estamos muito otimistas em relação à unidade Arena Corinthians. Acreditamos ser mais um passo rumo ao crescimento e reconhecimento da franquia”, salienta.

A nova unidade funcionará de segunda a sexta-feira das 06h às 19h; aos sábados, das 06h às 13h, com horários diferenciados em dias de jogos. “Durante os jogos na Neo Química Arena, iremos trabalhar com totens de agendamento, pois a clínica deverá ser fechada duas horas antes de cada partida”, comenta Ghedini.

Para evitar aglomeração devido a pandemia do novo coronavírus, os serviços serão todos realizados por agendamento prévio seguindo todos as recomendações de segurança exigidos pela vigilância local e da Organização Mundial da Saúde (OMS). Além do fornecimento de álcool em gel, marcações para distanciamento mínimo e utilização de máscaras. Toda clínica será sanitizada com frequência.

Pioneiro no setor de clínicas médicas populares, a Acesso Saúde possui atualmente 30 unidades em operação em 10 Estados brasileiros. A estimativa é abrir mais 6 novas unidades e faturar R$ 60 milhões em dezembro de 2020.