QIAGEN lança teste para pesquisa de disseminação e controle de Covid-19

Com o objetivo de contribuir com uma resposta rápida às pesquisas de mapeamento, controle e evolução da Covid-19, a multinacional alemã QIAGEN, apresenta à comunidade científica um conjunto de ferramentas de avaliação da resposta imunológica ao vírus, o QuantiFERON® SARS-CoV-2 RUO. Neste primeiro momento voltado apenas para estudos, o novo teste pode auxiliar nas pesquisas de eficácia das vacinas na população que já recebeu o imunizante, além de avaliar o potencial prognóstico da doença nos pacientes infectados, para que a conduta de tratamento seja a mais adequada e assertiva.

O novo teste permite identificar mais do que apenas a presença dos anticorpos. Por se tratar de um teste IGRA (ensaio de liberação de Interferon-gama), ele poderá contribuir com um maior entendimento sobre a resposta imunológica celular da pessoa, para verificar como o organismo está reagindo à vacina ou à infecção. Em pacientes contaminados, o teste apresenta o potencial de avaliar como será a progressão da doença, se apresentará um quadro leve ou grave e, assim, direcionar a equipe médica para as decisões mais eficazes. Desta forma, a solução pode também ser utilizada como um marcador de recuperação dos pacientes hospitalizados.

“Pesquisas sugerem que o teste de resposta das células T pode fornecer informações valiosas e mais duradouras, quando comparadas aos anticorpos, sobre o novo coronavírus e como nosso sistema imunológico responde a ele. Quanto mais conhecemos sobre o SARS-CoV-2, melhor equipado o mundo fica para conter a pandemia. Estamos entusiasmados com a nossa tecnologia QuantiFERON potencialmente ajudando os pesquisadores a compreender os caminhos das doenças e também as respostas imunológicas, que são cruciais para o desenvolvimento e implantação da vacina”, destaca Paulo Gropp, vice-presidente da QIAGEN na América Latina.