5 serviços criados para o combate ao novo coronavírus

Sobre os impactos da crise causada pela pandemia da Covid-19, uma pesquisa do IBGE apontou que mais de 700 mil empresas fecharam suas portas e não irão reabrir, sendo que 99,8% eram de pequeno porte. Com a mesma agilidade que o Covid-19 atingiu todo o mundo, várias ações foram criadas para combatê-lo, desde aplicativos para rastreamento da doença até serviços e produtos para que os negócios pudessem voltar a funcionar, seguindo todas as medidas de segurança propostas pelo Ministério da Saúde.

Em comparação com o segundo trimestre de 2019, abril, maio e junho deste ano representaram um crescimento de 15% na comercialização de serviços voltados para a saúde e segurança dos trabalhadores, segundo a Vendrame Consultores, especializada em Segurança do Trabalho e Medicina Ocupacional. “Dentro do cenário atual, o investimento em medidas de biossegurança ainda deve crescer cerca de 25%, devido a abertura gradual de todas as atividades, chegando a 40% no total”, destaca Antonio Carlos Vendrame, fundador da consultoria.

Mas quais são estes serviços? Veja o que foi criadopara combate ao Coronavírus no Brasil.

Consultoria para Biossegurança

Realizada sob demanda por meio de um diagnóstico minucioso feito em cima da realidade do cliente, seu segmento e nível de exposição ao vírus. Com esse relatório pronto, são definidos os serviços mais adequados às necessidades encontradas.

Equipamento para Sanitização de Ambientes

O equipamento absorve o ar ambiente para seu interior, que é exposto à lâmpadas ultravioletas com o poder de inativar microrganismos, inclusive os vírus. Após eliminá-los, o ar é devolvido ao ambiente totalmente limpo. Existe também um módulo no equipamento para limpeza detalhada de superfície, à base de ozônio, uma molécula com 3 átomos de oxigênio, também reconhecido como agente esterilizante. Como é um gás gerado pela ação do ultravioleta, o ozônio faz uma limpeza profunda do ambiente, ingressando onde nenhuma limpeza manual conseguiria.

Planos de Contenção

Baseados na Portaria nº 20 do Ministério da Saúde, os planos têm como objetivo a implementação de protocolos de saúde e segurança, assim como adequação de regulamentos internos, estruturação de novas ações, realização de atendimentos médicos, visitação a postos de trabalho para adequação de medidas sanitárias, entre outras medidas de combate ao vírus.

Telemedicina

Em meio a um cenário em que muitos profissionais estão trabalhando no sistema home office e não deixam de estar sob responsabilidade da empresa, a telemedicina tornou-se indispensável para acompanhá-los por meio do contato remoto e monitorá-los com relatórios individuais.

Testes Covid-19

Entre os primeiros a se tornarem mais conhecidos, existem algumas opções: o teste rápido, que detecta a presença de anticorpos IgG e IgM contra o Coronavírus, por meio de amostra de sangue, com resultado em até 10 minutos; o RT-PCR, que pesquisa o RNA do vírus, feito por swab naso e orofaringe e resultado em até seis dias; e a sorologia, que, com uma amostra de sangue pode encontrar uma doença ativa ou anticorpos por metodologia Quimioluminescência, leva em torno de dois dias para ficar pronto.